CARISMÁTICOS SE REUNEM EM CENÁCULO EM VÁRZEA PAULISTA.

“Sua Misericórdia se estende de geração em geração” foi o tema do cenáculo realizado pela Renovação Carismática Católica da Diocese de Jundiaí, no último domingo , dia 25/09 , em Várzea Paulista.

Com a presença de fieis que participam dos Grupos de Oração nas onze cidades que compõem a Diocese, o evento aconteceu na “Arca Da  Aliança Mãe da Divina Providencia “, na Paróquia Cristo Redentor.

Mais uma vez todos puderam sentir a manifestação do amor Deus , revivendo as maravilhas de pentecostes. O encontro foi aberto com a santa missa presidida pelo assessor eclesiástico do movimento , padre Milton Rogério Vicente , que deu as boas vindas aos participantes , destacando a importância do evento às portas do ano jubilar , em que a renovação carismática católica , comemorará 50 anos de seu início em Duquesne, Pensilvânia-EUA, se espalhando por todo o mundo .

As pregações do Cenáculo foram ministradas por Marizete Nascimento , Coordenadora do Ministério de Formação Nacional da RCC . Em sua primeira colocação ela discorreu sobre o tema do encontro : ” Sua Misericórdia se estende de geração em geração “.

Marizete lembrou que Deus criou o homem à Sua imagem e semelhança e deu-lhe o paraíso, com uma simples condição de administrar tudo , só não podia comer do fruto da árvore… e foi aquela árvore que tirou o homem daquilo que Deus tinha sonhado para ele . A desobediência levou o homem a pecar e a partir deste momento começou o sofrimento em sua vida” .

Ela destacou que a misericórdia se estende de geração em geração sobre os que temem o Senhor e que é preciso ensinarmos nossos filhos sobre a misericórdia de Deus. “Na cruz Jesus deu todo Seu sangue para nos tirar do domínio de satanás. A Salvação de Jesus na cruz é graça. Eu preciso de fé e acreditar que na cruz foram apagados todos os meus pecados”.

Ela explicou que misericórdia é quando o coração de Deus se dobra diante do miserável de maneira gratuita. ” O Pai do filho pródigo acolhe o filho dando primeiro a ele as vestes brancas que significam o seu perdão; a aliança que faz com que ele volte a ser da família e que pode assumir qualquer compromisso em nome da família; uma sandália nos pés que significa zelo pelas coisas de Deus. Hoje Jesus quer derramar Sua misericórdia sobre nós para que ela se estenda à toda nossa família”.

Tomando por base o Evangelho de João 20, 19 ss, ela disse que a misericórdia Divina espalha paz dentro de nós. “Para ficar cheio do Espírito Santo preciso sentir paz dentro de mim …Estar passando as provações e sofrimentos la fora e estar sentindo a paz dentro do coração “.

Marizete Nascimento encerrou sua primeira formação afirmando que a misericórdia que se estende de geração em geração é o Espírito Santo derramado sobre os que temem o Senhor. “Se eu sou filho de Deus, filho de Maria e irmão de Jesus Cristo , a mesma graça que acontece Neles, também acontece em mim”.

Na parte da tarde , em sua segunda pregação Marizete Nascimento desenvolveu o tema “O que Deus quer da RCC”? .

Relatando momento que esteve em  escuta profética  com membros da renovação carismática católica ,com irmãos de várias partes  do mundo  , na Terra Santa , em 2013, ela disse que Deus deu uma moção que dizia que havia muito pecado e escândalos no meio daqueles que estavam lá em Belém, o que estava contaminando os outros membros do movimento, e o Senhor pediu que tivéssemos cuidado com o pecado do orgulho , cuidado para não sufocar o Espírito Santo dentro de nós , pois o diabo tem usado de tudo isso para criar a divisão entre os filhos de Deus . “É preciso estarmos atentos para percebermos as alfinetadas do inimigo de nossa salvação”, pontuou.

A pregadora enfatizou que quando perdoamos em nome de Jesus Cristo , podemos sentir a cura das feridas que estão em nossos corações …porém é preciso abrirmos mão das mágoas , do ódio e do ressentimento.

Ela destacou que precisamos amar mais a Deus , amar a nós mesmos e amar o próximo; necessitamos trazer a palavra novamente para o dia-a-dia dos leigos …fazermos a leitura orante e buscar entender o que Deus nos direciona , nos deixando ser conduzidos pelo Espírito Santo , pois quando não o obedecemos , sentimos uma grande tristeza interior .

Marizete lembrou que somos dispensadores da graça de Deus , como já disse o Papa Francisco.” Não podemos ter medo de tocar o próximo, pois aquele que está conosco é maior que qualquer força do mal “.

Ela exortou os carismáticos a adorarem mais ao senhor no Santíssimo Sacramento; dar um tempo maior à Jesus , pois todos somos chamados a adorar o senhor (Papa Francisco).

Os fieis também foram convocados a terem coerência entre o Evangelho e a vida , buscando a santidade , sendo melhores do que ontem …partilhando o batismo no Espírito Santo , como pediu o Papa recentemente ; evangelizando a partir da palavra , pois é ela que transforma e não nosso conhecimento humano .

Ela alertou que não devemos buscar simplesmente os milagres, pois estamos na renovação para buscar a Jesus . “ Os milagres acontecem cotidianamente quando estamos em Jesus “.Marizete disse que nossos Grupos de Oração precisam ser carismáticos com profecias , milagres e outros carismas, onde os servos intercedam profeticamente, pois o senhor tem coisas grandes para seu povo viver a plenitude da vida .

Ela terminou sua pregação conduzindo os fieis em mais um momento de oração , quando houve um grande derramamento do Espírito Santo , levando os fieis a experimentarem a misericórdia de Deus para serem misericordiosos com aqueles por quem rezam.

DOM VICENTE VISITA CENÁCULO .

ce-03-fw

Também na parte da tarde , o bispo Dom Vicente Costa fez uma visita surpresa aos participantes do Cenáculo Diocesano da RCC. Acompanhado dos padres João Luis, Milton Rogério e Silvio Andrey , nosso pastor disse que era uma alegria muito grande estar ali com os carismáticos e os exortou a estarem sempre com a palavra de Deus , usando-a como espada em suas lutas diárias, especialmente na evangelização.

Dom Vicente abençoou os fieis e recebeu orações pelos seus 18 anos de ordenação episcopal , completados recentemente .

“ESPALHANDO A CHAMA “

velaa-02-fw

No enceramento do cenáculo tivemos a presença de Marcelo Marangon , membro do conselho Estadual da RCC, que veio especialmente para inaugurar na Diocese o “Espalhando a Chama”, uma moção da RCC Nacional para este tempo em que estamos próximos de comemorar os 50 anos do movimento no mundo , inspiração que veio através da dinâmica das olimpíadas , que antes do evento , tem uma tocha que percorre os países participantes . Dentro da Renovação , essa dinâmica consiste em levar a chama de pentecostes à todos os grupos de oração do estado e do Brasil .

Acolhido pela coordenadora diocesana da RCC, Tatiana Coraine ,o representante do conselho estadual , explicou que precisamos ser luzes em nossas paróquias e por todos os lugares onde andarmos . Ele lembrou que essa dinâmica teve início no Congresso Nacional , realizado no mês de julho , em Aparecida-SP, com o acendimento das velas dos coordenadores diocesanos , que agora espalharão a chama para cada Grupo de Oração .

“Vamos acender as velas e lembrar dos irmãos que não puderam vir aqui. Estamos vivendo um tempo de graça e o Espírito Santo está sendo derramado abundantemente”, proclamou Marangon . Ele também lembrou que nos quarenta e seis anos de RCC no Brasil , muitos foram machucados e se afastaram de nossos grupos . Agora é hora dos servos atuais irem buscar aqueles que não estão mais em nosso meio , incendiando a casa de cada um deles , reavivando suas vidas novamente com a chama do Espírito Santo “, conclamou .

Ele destacou também que precisamos voltar a sermos missionários e apóstolos da Efusão do Espírito Santo levando essa graça à todas as pessoas. “ Essa dinâmica não é simplesmente acender uma chama, mas acender a nossa história…é fazer memória de nosso movimento”.

Maragon deu início á dinâmica acendendo a vela da coordenadora diocesana , Tatiana Coraine, que em seguida acendeu as velas dos coordenadores regionais. Depois todos realizaram uma volta pentecostal pela Arca da Aliança e posteriormente ,foram acesas as velas dos coordenadores de grupos de oração , que deverão incendiar os corações dos seus servos .

Incendiados pelo fogo de Pentecoste e cheios das bençãos de Deus , os carismáticos de nossa diocese encerraram o cenáculo num clima de muita alegria e voltaram para suas casas agradecidos pela grande manifestação do amor e da misericórdia do pai  em nosso meio.

Por Evaldo Cunha e  Reginaldo Ap. Pereira/Fotos : Sato Fotografia (Ministério de Comunicação)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *