Congresso Nacional de Músicos: Há um só convite a nós! prostrar-se diante de Jesus.

Já na segunda pregação do dia, o coordenador da RCC do estado de São Paulo, Rogério Santos, falou sobre o tema: “E prostrando-se diante Dele o adoraram”. Tomando a passagem dos reis magos que vão adorar o menino, o pregador ressaltou a parada que fazem no palácio de Herodes.

“O palácio era estrondoso, com salas grandes, cheio de luzes. Quando os reis magos saíram de lá, voltaram a seguir a estrela. Será que os músicos foram chamados para ocupar os palácios, os palcos? Deixamos de ver a estrela e passamos a querer ser a estrela”, afirmou.

O pregador ainda chamou atenção para aqueles que já entraram no palácio, que saiam e voltem a olhar para a estrela que guia até Jesus. “Se os músicos deixam de viver o Batismo no Espírito Santo, vão morrer aprisionados nos palácios de Herodes”.

O segundo ponto refletido por Rogério foi o ato da adoração dos reis: “Eles se prostram, adoram, e só depois que encontram com Jesus, é que oferecem seus tesouros. Da mesma forma, sua dança, sua poesia, sua voz, são preciosíssimas, são dignas de Deus. Mas, nossa arte só é digna de Deus, quando reconhecemos antes que Ele é o Rei dos reis”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *