Festividades marcam 516 anos da primeira Missa no Brasil

Em Santa Cruz Cabrália, fiéis recordam a primeira Missa celebrada no Brasil, no dia 26 de abril de 1500.

As comemorações que recordam os 516 anos da celebração da primeira Missa no Brasil terminam nesta terça-feira, 26. As festividades começaram no sábado, 16, e reuniram muitos jovens que atualizam hoje a missão iniciada pelos europeus no município baiano de Santa Cruz Cabrália, o berço da evangelização.

“ A pedido de Padre Ailton e no desejo de fazer uma grande evangelização na terra onde nasceu a religião católica, jovens da renovação carismática se uniram, para promover a semana missionária que teve seu início em 2014 e já está na sua terceira edição” relatou o coordenador da Renovação Carismática da Diocese de Eunapolis (BA), Damião Dias.

Padre Ailton a quem Damião se refere é o atual diretor da escola Indígena Pataxó e idealizador do evento. Ele conta como surgiu a semana missionária e como é o trabalho de evangelização dos povos indígenas.

São 10 dias de intensas atividades: Santa Missa, Adoração ao Santíssimo Sacramento, visita às casas e, ao fim de cada dia, o novenário de Nossa Senhora da Esperança, padroeira da cidade.

Seguindo o apelo do Papa, que convida os fiéis a serem uma Igreja que vai ao encontro do outro, Rafael Santana, missionário, participante pela primeira vez da Semana Missionária, conta que sair em missão é uma experiência gratificante e a oportunidade de conhecer realidades e culturas que ele não imaginava existir. “O Papa que nos convida a ser um Igreja em missão, em saída, todos este momento está sendo essa imensidão da misericórdia de Deus que estou vivendo. Estar no berço do catolicismo está sendo uma graça única” afirma.

Adna e Nelson, casal da diocese de São Mateus (ES), participam do evento pela segunda vez. Eles trouxeram este ano 10 jovens para experimentar a missão de levar o Evangelho a toda criatura. “Foi um desafio, mas com a Graça de Deus ficamos felizes por ver todos estes jovens que aqui chegaram com as mãos cheias e voltam com as malas repletas de sementes . Ver estes jovens com o coração convicto de que este chamado de Deus foi por eles aceito e que cumpriram a Missão com amor já valeu a pena”, testemunha Adna.

Fonte : noticias.cancaonova.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *