Pirapora do Bom Jesus recebeu uma chuva de misericórdia

A Abertura da Porta Santa da Misericórdia, no Santuário Diocesano Senhor Bom Jesus, em Pirapora do Bom Jesus, reuniu no último  domingo, 27 de dezembro, Festa da Sagrada família de Nazaré, milhares de fiéis diocesanos e romeiros de todas as partes, especialmente fiéis das paróquias que formam as Regiões Pastorais 10 e 11.

Presidida por Dom Vicente Costa, a celebração contou com animação do pároco local, Silvio Andrei Rodrigues, e foi concelebrada por padres da Regiões Pastorais 9 e 10 e pelo padre Lúcio Carlos Savietto, pároco da Paróquia Nossa Senhora do Carmo de Jundiaí.

A missa foi celebrada em frente ao Santuário, sob sol forte seguido de chuva, uma chuva de misericórdia, disse padre Silvio Andrei.

Esta foi a 2ª Porta Santa aberta na Diocese de Jundiaí, a primeira foi a Igreja-mãe da Diocese, a Catedral Nossa Senhora do Desterro, em 13 de dezembro. Uma terceira porta se abrirá em 6 de janeiro, no Santuário Nacional do Sagrado Coração de Jesus – Igreja Bom Jesus, em Itu, por ocasião do 49ª aniversário de criação da Diocese de Jundiaí.

Família, uma Igreja do lar, Santuário da vida!

Durante a missa, antes da abertura da Porta da Misericórdia, as famílias presentes à celebração viveram um momento especial; os casais renovaram seus votos de fidelidade e amor e os filhos foram convidados a pedir a bênção e abraçar seus pais. “Ao olharmos a família de Nazaré, vemos a importância do lar, especialmente do lar cristão, mas não há como deixar de perceber seu contraste com tantas comunidades familiares desestruturadas, tantos lares arruinados.”, disse Dom Vicente, na homilia, e a assembleia rezou ” Sagrada Família, dai-nos a busca da sinceridade e do diálogo fraterno”.

Por Jussane Cristina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *